Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

Príncipe australiano

Ele dizia ser um homem australiano. De certo eu nunca conheci um australiano a quem compará-lo; como também nunca conheci um príncipe, mas para mim era a figura da qual ele mais se aproximava. Um príncipe australiano talvez. Ele era bem alto, o suficiente para montar em um cavalo branco (mas acho que ele esquecia dessa parte). Era forte, mas seus músculos eram naturais. Seus olhos pareciam um pedacinho roubado do céu, e sua boca, de tanta perfeição, parecia que foi desenhada a mão por Deus. Suas mãos eram grandes e grosseiras, pesadas, ele não sabia lidar com elas. Mas seus pés, ele sempre dizia, seus pés eram feios. Cá entre nós, nisso eu nunca reparei mas seus pés funcionavam muito bem como apoio para os meus. Seu corpo por inteiro, parecia que funcionava perfeitamente em conjunto. Até mesmo em partes eram perfeitos, mas nele... Tudo se transformava. Ele andava torto, meio duro. As pernas pareciam que estavam grudadas pelas cochas, mas suas cochas eram lindas. Tinha o cabelo sempre …